O Projeto
O mundo passa por muitas transformações. Estamos vivendo, na Idade Contemporânea, um período de transição, no qual o fluxo de acontecimentos se dá de forma muito mais intensa e veloz  do que em qualquer outro momento da História. Assim, nos apoiamos em um ideal de futuro que ainda não conseguimos visualizar plenamente, mas temos a certeza de que os padrões estabelecidos anteriormente já não correspondem com os ideais da sociedade atual. Os modelos passados que orientavam as sociedades ocidentais estão em crise e urge a necessidade de se adaptar. Na iminência de um novo conjunto de valores para um novo processo civilizatório,́ surge o sonho da construção de um outro Brasil. E esta é a hora: quando tudo parece ruir, podemos nos reinventar em novas bases.
Partindo dessa reinvenção, o Fórum do Amanhã deverá ser entendido não como evento mas como um processo, uma jornada. Contando com uma rede de pensadores, criativos, lideranças visionárias, ativistas, empreendedores sociais, educadores, ambientalistas e empresas que estão inovando, o Fórum é um campo fértil de geração de ideias, propostas, soluções e até mesmo provocações. Além de se impor como um importante influenciador de políticas públicas para as principais questões nacionais.
doinbook

Assim, Fórum do Amanhã propõe-se a dar visibilidade a ideias e projetos pioneiros, visando o futuro, bem como criar canais de comunicação entre eles, com o intuito de estimular não só novas ações da própria sociedade, mas também influenciar políticas públicas.
Inspiração
O Fórum do Amanhã nasceu das ideias dos pensadores: Domenico De Masi e Eduardo Giannetti. Um nasceu na Itália, mas vê o Brasil com olhos generosos e como sociólogo, desafiou os intelectuais brasileiros a repensar o País. O outro é um brasileiro, que aceitou o desafio e escreveu Trópicos Utópicos, uma reflexão sobre o sonho brasileiro.
 
doinbook

Domenico De Masi
Sociólogo italiano, professor da Universidade La Sapienza de Roma. Estudioso da sociedade pós-industrial, seus campos de pesquisa são o futuro do trabalho e das organizações e a importância da formação de grupos criativos para que empresas e governos  façam frente às profundas mudanças por que passam as sociedades. Autor de diversos livros, muitos foram publicados no Brasil, entre eles Ócio Criativo, conceito que desenvolveu em 1995 e cujas previsões agora começam a se realizar.
doinbook

Eduardo Giannetti
É próprio da melhor tradição de intérpretes do Brasil abordar a nossa identidade de um ponto de vista histórico e retrospectivo, buscando no passado o segredo da nossa singularidade e destino comum. Por que não pensar a nossa identidade de forma prospectiva – como futuro a ser construído? Existirá uma utopia mobilizadora da alma e das energias dos brasileiros?
 
O Evento
III Edição do Fórum do Amanhã - 22 a 25 de novembro
A terceira edição do evento está de volta à cidade histórica de Minas Gerais!
 

A CIDADE

Tiradentes, além de sua beleza natural, se mostra um local propício para se pensar e projetar o futuro sonhado para o Brasil, tanto por seu valor histórico quanto simbólico, como berço da Inconfidência.

A cidade, foi considerada um dos centros históricos mais bem preservados do Brasil, sendo assim, proclamada patrimônio histórico nacional no ano de 1938. Tiradentes também é sede de outros eventos de sucesso, como a Mostra de Cinema, o Festival de Gastronomia, Tiradentes em Cena, Foto em Pauta, entre outros.

O projeto, portanto, ao se apropriar desse espaço, tem como uma de suas propostas a ocupação da cidade, integrando os espaços e a população, não só durante sua elaboração e execução do evento, mas com o intuito de deixar um legado duradouro para o município e para a sociedade local. 
 
doinbook
Projeto em 3D Domo - Largo das Forras 
doinbook
Domo - Lago das Forras
doinbook
Bandeira do Brasil - Lago das Forras
doinbook
Centro Cultural Yves Alves - SESIMINAS 
>
Notícias
Carta do amanhã
A Carta do Amanhã é a síntese das ideias convergentes surgidas na primeira edição do Fórum do Amanhã, que aconteceu em novembro de 2016 na cidade histórica de Tiradentes, Minas Gerais.
O texto é polifônico e reflete a diversidade de vozes que caracterizaram os diálogos.
Rede do Amanhã
Confira a nossa rede de pensadores, criativos, ativistas, ambientalistas, educadores, empreendedores sociais, lideranças visionárias, entre outros
    Contato
    Patrocinadores e parceiros
    -------------- Patrocínio --------------

    doinbook

    -------------- Apoio --------------   
    doinbook doinbook     doinbook        doinbook     doinbook
    -------------- Parceiros de mídia --------------

    doinbook doinbook

    -------------- Produção --------------
    doinbook
    -------------- Correalizador --------------

    doinbook

    -------------- Realizador --------------
    doinbookdoinbook